Escolha o fundo do site

Brasão

“Escudo clássico, em campo blau (azul) e ao centro, em goles (vermelho) no mesmo formato, um escudo menor, tendo no abismo, em jalde (ouro) uma lira, representando a musicalidade de seu povo, sobre a figura de uma pomba na cor prata (branca), figura esta vinculada à origem do nome do Município, formado dos vernáculos indígenas – PAVE (de todos) e RETAME ou RAMA (a terra), que se traduz por “terra de todos” ou da paz entre as diversas etnias que a formaram; em ponta, também em prata (branco), uma cruz entre o vazio dos dois escudos, que salienta a religiosidade de seu povo, a destra e a sinistra da parte externa do escudo, folhas e frutos de trigo, soja, milho e ramos de acácia em floração, nas cores sinople (verde) e jalde (ouro), tudo representando a riqueza vegetal, alicerce de sua economia. O escudo é encimado por uma coroa dentada, na cor jalde (ouro), símbolo de sua crescente industrialização. Na parte inferior do escudo, um listel solto em goles (vermelho), com a inscrição 13.04-PAVERAMA-1988, nome e data da emancipação do Município”.


Clique Aqui para ver na íntegra a Lei que institui o Brasão e a Bandeira


Hino

Paverama é a terra de todos
Tem distante um passado de glória
Onde a raça alemã e açoriana
Contruíram nossa história


Da união dessas raças valentes
Surgiu esta terra sem par
Com montanhas e vales bonitos
Uma boa razão para brilhar


Refrão:
Paverama é a terra da paz,
Pois aqui a amizade se expande
Onde tem a beleza das matas
No coração do Rio Grande


O perfume da flor da nossa acácia
Plantação que é feita com ardor
Os teus filhos cantam tua beleza
Com carinho e muito amor


Índios Patos viveram aqui
Nesta terra de gente que te ama
Este chão que já foi Arroio Grande
Foi concórdia e pra sempre Paverama

Voltar para a página inicial

Prefeitura Municipal
de Paverama

Rua 4 de Julho, 7220 - Centro - CEP: 95865-000
Telefone: (51) 3761-1044 | Fax: (51) 3761-1001
Horário de Atendimento ao Público: manhã 08:00hs às 12:00hs
Tarde 13:30 hs às 16:00hs